AGENDE SUA VISITA 4994.8157

Feira de Cultural 2017- a valorização do conhecimento

A Feira Cultural é uma atividade permanente do Colégio que acontece no próximo dia 07 Outubro. Para arealização deste evento existe todo um preparo que inicia no primeiro semestre e se intensifica nos meses de Agosto e Setembro.

O grande desafio da Feira Cultural é transformar um tema norteador em umgrande quebra-cabeça. Os conteúdos mais significativos para cada grupo transformam-se em apresentações criativas e originais, que mostram ao nosso público, no dia do evento, uma pequena parte de todos os aspectos que foram abordados, trabalhados e aprofundados.

Porque trabalhar com o tema Imigração e Migração? 

O Brasil é um país em que a diversidade cultural é imensa, e isso está na forma como ocorreu a formação da nossa sociedade, a partir das influências recebidas dos diferentes ciclos migratórios.

Saber a história da nossa nação significa resgatar e preservar a tradição daqueles que contribuíram para que chegássemos ao ponto em que nos encontramos. Trata-se de uma oportunidade única para compreender, inclusive, a nossa própria identidade.

Trazer essa visão de mundo para os alunos é importante para se perceber como a influência desses povos se faz muito presente no nosso dia a dia, podemos citar : a rica culinária, artes, brincadeiras, esportes, hábitos e pessoas que contribuíram para a riqueza cultural do nosso país. 

Essa percepção, que por vezes passa despercebida, face ao contexto globalizado em que vivemos, é fundamental para mostrar às nossas crianças a riqueza da cultura e da tradição dos imigrantes do nosso país.

E como é a preparação da feira?

Na prática, as atividades no Fundamental I estão voltadas para a formação integral do aluno aspecto que é muito valorizado por nós na condução das atividades e projetos.

Tudo começa no primeiro semestre, quando a partir de um tema relevante e atual, como a Imigração e Migração, alunos participam de uma prévia da feira, com os objetivos e aspectos que serão abordados, e elegem aquele que mais aguçou a sua curiosidade. Com as turmas já compostas, participam de todas as oficinas e conhecem os subtemas, abordados pelas professoras, com vídeos, diálogos e atividades integradas. 

O mais interessante na feira cultural do Colégio Caminhar são os grupos de estudo multisseriados, ou seja, cada subtema conta com estudantes do 1° ao 5° ano. Na organização e distribuição das turmas, também se estabelece um trabalho de parceria e troca entre as professoras. Assim, fortalecemos os princípios comuns que movem o projeto. 

A partir desta escolha os alunos fazem pesquisas, trocam informações, assistem a vídeos, ouvem música, contam histórias, utilizam arte, fotografia, mídias, constróem jogos enfim, utilizam-se de diferentes ferramentas para conhecer a aprofundar seus conhecimentos sobre o assunto.

A melhor forma de aprender é fazendo. Partindo desse princípio, surge a necessidade de transferir todo este aprendizado para uma nova situação. É então que começam a planejar como o tema será exposto ao público. Nesta fase os alunos participam ativamente pensando em como interagir e apresentar para o visitante, planejando, elaborando o que e como vai ser falado por cada um no dia. É um processo grandioso, muito rico e prazeroso.

Acreditamos na importância da participação ativa dos estudantes durante o processo, que “coloquem a mão na massa”. É assim que o aprendizado se torna significativo. Também é importante lembrar que cada um tem um jeito de lidar com a apresentação no dia da feira, uns mais espontâneos, outros mais receosos. Nossa escola valoriza a diversidade e respeita cada um em suas peculiaridades, por isso, entendemos que todos tiveram a mesma oportunidade de aprendizado, mas que cada um tem seu jeito próprio de externalizá -lo. 

A feira de Cultural no Colégio Caminhar foi preparada com o intuito de atingir objetivos certos e o mais importante de tudo é que em todo momento esteve presente a oportunidade de aprender não somente do conteúdo, mas principalmente o trabalho em equipe, a troca de ideias, a tomada de iniciativa e decisões e a participação ativa num processo que para os alunos é coroado com um momento de muita alegria e confiança em suas competências e habilidades pessoais. 

Professora Juliana Lacalle

Sobre o Autor

Deixe um comentário

*

* captcha