AGENDE SUA VISITA 4994.8157
Comment are off

O QUE NOS TORNA HUMANOS?

O que nos torna humanos e o que estamos fazendo com isso?

Nos últimos dias várias coisas aconteceram que nos fizeram refletir sobre nossa condição no mundo, o que fazemos com ela e o que fazemos com aqueles que nos rodeiam.

Algumas situações são tristes e p
praticamente nos obrigam a repensar sobre nossas posturas e nossa relação com o mundo, afinal é impossível não nos envolvermos ou ficarmos apáticos, frente à violência, ao abandono, aquilo que nos traz tristeza e perplexidade. Nessa perspectiva tivemos o caso do “Jogo da Baleia Azul”, que provocou reflexões sobre o suicídio, o abandono na juventude, sobre relações familiares… Enfim, estou certa que cada um de nós teve algo desperto nessa enxurrada de informações.

Em contrapartida, temos no dia a dia provas de que o mundo pode e precisa melhorar e essas situações nos fortalecem e enchem de esperanças, pois são elas que nos trazem o combustível para continuar e acreditar. Recentemente terminei um curso sobre gestão de pessoas e inovação no mundo corporativo e a mensagem existente em todas as aulas do curso foi a mesma: temos que trabalhar e nos desenvolver mutuamente para que todos possam estar bem, para que todos possam progredir profissionalmente, desfrutando de sua vida e de seus sonhos.

Isso tudo me faz pensar em um único caminho para o futuro desses pequenos que estão sob nossa tutela para desenvolver-se como pessoas. O caminho é formado por respeito, solidariedade, empatia e justiça.

Por isso, nós adultos precisamos refletir por todo tempo, já que não fomos criados para isso, mas precisamos preparar nossas crianças e jovens para esse mundo.

Essa tarefa não é fácil! Para isso precisamos nos desvencilhar de pré julgamentos, ter a capacidade de ouvir o outro, estar aberto ao diálogo, acreditar nas pessoas e colocar-se no lugar dela. Precisamos tirar nossa couraça, que nos tornou pessoas que não podem errar, que não aceitam nada e que já partem do princípio de que sempre estamos sendo passados para trás. Precisamos parar de nos defender dos fantasmas que criamos e agir a favor de nós mesmos.

Isso é o que procuramos fazer dentro da nossa escola. Ensinar (ou aprender?) com nossos alunos e colaboradores que somos humanos, que erramos sim, mas que esse erro pode ser uma oportunidade de acerto, que as ações são guiadas por diferentes formas de ver o mundo e que quando conversamos podemos abrir um leque de possibilidades que nos permite julgar menos e compreender mais. E, acima de tudo, procuramos pautar nossas relações sempre tendo como princípio o respeito e a justiça, ainda que sejamos muitas vezes mal interpretados, mas sempre confiantes em nossos objetivos.

E assim vamos descobrindo juntos, numa longa jornada: O que nos torna humanos?

Kátia

katia@colegiocaminhar.com.br

 

Sobre o Autor
Katia Zavanella Diretora pedagógica, formada em educação física e pedagogia.